sábado, 2 de junho de 2018

VAI TU E FAZE O MESMO!!!



Estamos a metade de um novo ano!
Projetos, sonhos, planejamento, decisões, etc.

Algumas das mais duras instruções de Jesus de Nazaré aos seus Discípulos, são objetivas, claras e curtas!
Uma delas, “VAI TU E FAZE O MESMO”, é de uma simplicidade e clareza, que *“encurrala”* os Seus seguidores, não deixando margem a interpretações diferentes ou aplicações equivocadas!

O que O Senhor diz, em outras palavras, é: FAÇA COMO EU FIZ! AJA COMO EU AGI!!
Isso significa: Amar os que não merecem o nosso amor; perdoar os imperdoáveis; acolher os que merecem nossa rejeição, etc.

É exatamente isto que a Bíblia chama de CAMINHO ESTREITO, PORTA ESTREITA, etc.

No texto citado hoje, Jesus falou algo que trouxe calafrios aos Judeus, que ativou a memória para o abominável!
Fala de uma vítima de assalto que foi desprezada no seu sofrimento quase mortal, por um  LEVITA e um SACERDOTE! Ambos eram gente do culto, do Altar, dos paramentos, das cerimônias, dos ritos, etc.
No entanto, a visão que tinham de si mesmos como justos e modelos, os impediu de exercer a compaixão!

Jesus chega ao extremo dos extremos, quando diz que aquele que socorreu, apiedou-se, pôs nos ombros, levou a tratamento, colocou na hospedaria e, de sobra, pagou e deixou um crédito, era, tragicamente (para os judeus) UM SAMARITANO!

Escória!
Proscritos!
Rejeitados, etc.
Era como se hoje alguém dissesse que um terrorista, membro do EI, estivesse ferido à margem da estrada, e simplesmente fosse socorrido pelo Presidente Donald Trump! Chocante?
Impossível?
Aos nossos olhos sim!

Então queridos (as) o que Jesus de Nazaré está nos ensinando é exatamente isto: Pense no impossível para você; pense na pessoa que você jamais, (eu disse Jamais) acolheria, perdoaria, receberia, e ouça: “VAI TU E FAZE O MESMO”!!

Por isto amados (as) não é religiosidade que gera vida e sim comunhão, vivência, caminhar com ELE, O SENHOR, que tendo todos os motivos para rejeitar, acolheu; tendo todas as razões para punir, perdoou!
Esse é o caminho do Cristão!

Gosto demais de uma frase do nosso Arcebispo, +Dom Paulo Garcia: “A ira do homem não produz a justiça de Deus” (Na verdade, uma afirmação  Bíblica).

O Reino de Deus não é o reininho do troco, da vingança, MAS (!!!!!!!), o Reino do “VAI TU E FAZE O MESMO”!!!! Tente!
A sua surpresa vai ser gigantesca!
Os outros olharão para você e dirão:“Como é parecido (a) com Jesus Cristo”!

Meu carinhoso abraço!

(Agir assim, é tomar a cruz de cada dia e ver no horizonte o Trono de Deus e a ressurreição das esperanças perdidas. Assim agiram Estevão, Paulo e muitos outros).

Avante!!!